Quando há incompetência na Defesa Civil… quem paga?

Ele não sonhou, e o brusquense teve que acordar de um pesadelo.

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

O Diretor da Defesa Civil com status e salário de Secretário, conduzido ao cargo pelo excelentíssimo Prefeito Municipal por ser “técnico e político”, de acordo com suas exigências na época para ocupar os primeiros escalões do governo, mostrou semana passada a sua incompetência para o cargo de tão grande importância que ocupa.
Durante a semana que antecedeu a grande tragédia anunciada pela Defesa Civil do Estado, o mesmo dizia que: “não acreditava” em jornais de circulação municipais, após a tragédia veio as rádios dizer que não podia alarmar demais a população. Ora vejamos será que é melhor alarmar demais e não acontecer nada, onde as pessoas poderiam recolocar seus pertences novamente nas suas casas, ou não alertar, e as pessoas perderem tudo, como aconteceu.
Entretanto no site da Prefeitura no Link da Defesa do Cidadão você encontra a própria Administração redigindo: “O diretor do órgão, ressalta que o nível do rio está sendo monitorado e que não há razão para preocupações. “O nível do rio Itajaí mirim está dentro da normalidade e não registramos nenhum ponto de alagamento na cidade. “Estamos atentos e caso haja alguma mudança a comunidade será avisada””[1].
A atual Administração criou a Secretaria de Defesa do Cidadão sem qualquer fundamento, pois a Defesa Civil poderia se gerir sozinha, o Procon que também é subordinada a ela, poderia ficar com a Secretaria de Desenvolvimento Empresarial, e a Guarda de Transito ficaria com o IBPLAN, evitando assim desperdício de dinheiro público, com esta Secretaria.
Impossível acreditar que uma pessoa ocupando um cargo público venha na imprensa justificar uma desgraça como esta que aconteceu para vários munícipes que pagam seus impostos, dizendo que: “São Pedro que acertou, eu não errei”. Veio com mil desculpas sem fundamento, do tipo que faltou comunicação com Vidal Ramos e Botuverá, na época atual, com e-mails, celulares facebook, orkut, etc, sendo que até rádios amadores as Defesas Civis deveriam estar aparelhados.
Outra desculpa absurda foi os NUDECs que não funcionaram devido aos seus colaboradores serem avisados após o horário de trabalho. Ora, grupos organizados pelo próprio poder público através da Defesa Civil de proteção a comunidade deveria ter o telefone das empresas onde o colaborador trabalha como também as empresas estarem ciente que possui um funcionário que serve o NUDEC e pode ser acionado em caso de emergência, duvidamos que alguma empresa não fosse colaborar.
E por fim o mesmo se contradiz, quando fala da estação de telemetria, pois no site da prefeitura no próprio link da Defesa do Cidadão do dia 01/06/2011, diz: É uma rede global de monitoramento, centralizados no Centro de Operações do Sistema de Alerta (Ceops) da Furb. De posse das informações, antecipadamente, poderemos alertar a população, e tomar as primeiras providências em tempo hábil”, e a Prefeitura complementa dizendo: O projeto é uma parceria entre Governo Federal, Prefeitura de Brusque e Fundação Universidade Regional de Blumenau, FURB.[2], e agora no site da Radio Cidade o diretor da Defesa Civil diz que: o Estado tem falhado na Parceria. Que Estado? Se a página da Prefeitura não falava em parceria com o Estado. Há não ser que ele fala em Estado como Nação, mas se referir a Estado como ente da federação, alguém não está dizendo a verdade, ou ele ou o setor de comunicação da Prefeitura.
Após todo este emaranhado de contradições disse que não poderia prever nem em sonho ou no pior dos pesadelos. Resultando disto tudo, infelizmente para a população perdas em casa, nas empresas, lojas. Enquanto o Prefeito Municipal mantiver em seus quadros pessoas despreparadas para os cargos que ocupam, continuamos a correr sérios riscos. Mas será que a culpa é só deles?
Quem conhece um pouco de gestão sabe que quem delega errado ou delega algo para alguém que não tem competência para cumprir, é tão ou mais responsável que esta pessoa. Portanto o superior hierárquico às vezes tem que fazer a mea culpa, assumir o erro e tirar a competência de certas pessoas que não tem capacidade para exercer tal função, para não repetir o erro mais a frente, senão em futuro próximo teremos que enfrentar outro pesadelo, porque alguém não previu em seus sonhos.

Postado por TERCEIRA VIA às 13:45

Anúncios

Faça um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: